Onze Minutos

Olá, meus amigos que gostam de ler tanto quanto eu, hoje vou falar-vos de outro livro que marcou a minha adolescência. Vou falar-vos de Onze Minutos de Paulo Coelho.

Já vos falei deste autor quando falei da nossa Wicca Brida. Decidi, hoje, trazer-vos a história de Maria, a personagem principal desta história. Aproveito também para vos dizer que, e sobretudo para quem não conhece o autor, Paulo Coelho é uma pessoa religiosa e espiritual. Daí ter escolhido o nome de Maria para a personagem principal. Contudo, ficarão confusos quando vos disser que a nossa Maria era prostituta. Parece quase blasfémico ler o nome Maria e vê-lo associado a uma profissão tão mundana quanto esta. Mas foi tudo feito com um propósito, podem acreditar!

Agora, quanto ao título, perguntar-vos-ão o porquê de Onze minutos.

A resposta é muito simples. Quando Maria ia ter com os seus clientes, e após tudo o que envolvia o início destes encontros, o tempo que sobrava para o ato em si era, mais nem menos, onze minutos. No mínimo curioso, não? Contudo, e como vos disse mais acima, tudo tem um propósito, sobretudo na escrita de Paulo Coelho.

De acordo com a numerologia, o número onze é o número da espiritualidade e da intuição. É um número de forte magnetismo e carateriza as pessoas idealistas, inspiradoras, inventivas, capazes de iluminar o mundo através de ideias elevadas.

Se nos focarmos na história, vemos que este número revela a personalidade da nossa Maria, que apesar da sua profissão, era uma idealista que queria amar e ser amada, como qualquer mulher.

Peço agora que se foquem no seguinte excerto:

«… vejo que aqueles que me tocaram a alma não conseguiram despertar o meu corpo, e aqueles que tocaram o meu corpo não conseguiram atingir a minha alma.» in contracapa de Onze Minutos de Paulo Coelho

Alguma vez se deparam com uma situação, quer seja amorosa ou não, em que não se sentiam completamente realizados? Em que sentiam que faltava qualquer coisa que não sabiam explicar?

Eu já e penso que todos vós já passaram inconscientemente por uma situação parecida, apesar de, por vezes, não se aperceberem da sua existência na vossa vida.

Mais uma vez, quero que partilhem comigo os vossos comentários, os vossos desabafos.

Não se esqueçam, leiam muito e voem até onde vos for possível ir….

Abraços & Beijos

TCR

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s