Bem Me Queres, MAL Me AMAS

Sejam bem-vindos a mais uma estreia!!Hoje vamos falar de amor, da sua energia, das suas mais variadas formas, porque no final do dia o que importa é o sentimento e a energia que transmitimos e sentimos! Vamos começar!

Como sabes, o amor é infinito e começa desde muito cedo na nossa vida, através do amor que os nossos pais nos dão, aquando do nosso nascimento! O nosso amor por eles deve ser infinito, mas por vezes é complicado.

Quando começamos a crescer, começamos a percepcionar o amor de outra forma, começamos a piscar o olho a novas experiências, vemos além mais que o amor que temos pelos nossos pais. E, por norma, aí começa o nosso amor sentido por eles a mudar.

Quando introduzimos alguém novo na nossa família, estamos sempre receptivos e à espera de aprovação por parte dos nossos pais e, em alguns caso, pode correr menos bem e fazer com que fiquemos com profundas mágoas! As vezes, não intencionais, mas que ficam guardadas para todo o sempre. E isto tudo porque os nossos pais são as nossas influências e esta aprovação determina muito de nós mesmos.

Hoje peço-te para os perdoares, perdoa e tenta seguir com a tua vida amorosa! Por vezes a nossa vida amorosa para ou estagna para que possamos resolver estes pequenos detalhes da nossa vida! Perdoa os teus pais e liberta-te dessa energia tóxica!

Até daqui a quinze dias!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s