Relação Amorosa VS Relação Karmica

Indo além da mera paixão, um relacionamento kármico ocorre quando sentes uma intensa sensação de familiaridade com a outra alma. Sentires-te como se os conhecesses de vidas passadas e gostarias de explorar mais. Uma conexão divina puxa vocês os dois para mais perto, onde sentes que a alma deles é muito familiar.

Anúncios

A cola kármica do amor: Se vocês os dois se tornassem mais próximos e começassem um relacionamento, sentiriam uma paixão intensa. Borboletas no estômago e uma sensação absolutamente sem precedentes de forte conexão o dominariam. Todos esses são sinais de um relacionamento kármico. Infelizmente, os relacionamentos kármicos geralmente são preenchidos com duras lições da alma e também podem ser bastante dolorosos.

Os relacionamentos kármicos podem destruir a tua auto-estima e impedir o teu crescimento. Isso pode exaltar o ódio de ti mesmo dentro de ti, aceitarias o abuso dos outros porque achas que mereces. Antigos padrões de família amarrariam-te e voluntariamente desejarias ficar sozinho e desesperado. Se quiseres escapar dessas armadilhas, terás de elevar as tuas próprias vibrações no relacionamento kármico.

Concentra-te no mundo real. Karma tem tudo a ver com lições de equilíbrio. As lições podem ser sobre amor próprio e soberania. Ao contrário, ficarás preso a padrões antigos que te limitam e colocam-te num espaço negativo. Se não estiveres ciente, terminarás num loop em que continuarás repetindo esses padrões e te condenarás.

Anúncios

Amor contra Karma. Como distinguir uma relação amorosa de uma relação kármica? Num relacionamento amoroso, sentirias-te calmo e seguro, mas num relacionamento Kármico deixaria-te inquieto, sentirias-te como se estivesses a pisar ovos o tempo todo. Não é assim que um relacionamento deveria ser.

Quando estás sob a hipnose do Karma, é aceito com todos os seus defeitos. Mas então essa pessoa iria maltratar-te e explorar-te de várias maneiras. Na maioria das vezes, as pessoas nem percebem que estão a ser aproveitadas. O poder dos relacionamentos Kármicos é que, apesar dessas circunstâncias, devido a alguma razão inexplicada, escolhes de boa vontade estar com essa pessoa.

Pode ser uma intimidade emocional ou física que nunca experimentaste antes. Podes pensar que isso é o suficiente para ficar por aqui, mas percebe que é apenas uma manobra do Karma que te força a vivenciar todos os ângulos do teu relacionamento. Frequentemente, os teus próprios sentimentos não seriam correspondidos num relacionamento kármico.

Anúncios

Agora chega a pergunta, como se sai desse relacionamento? Deixa-o aqui uma pequena lista!

  • Aceita-te
    • Se realmente deseja libertar-te de tal relacionamento kármico, primeiro deves reconhecer que estás realmente num relacionamento kármico. Assim que essa aceitação vier, verás como estás infeliz. Conscientização é o primeiro passo.
  • Lembra-te dos teus pontos fortes
    • Quando a outra pessoa corrói a tua auto-estima, tens de te agarrar e lembrar dos teus pontos fortes. És quem está no controlo do teu destino. Crias o teu próprio caminho. Não esperes por um momento ou situação melhor. Levanta-te e sai.
  • Pede Ajuda
    • O crescimento espiritual é o que te ajudará a superar os velhos e restritivos padrões familiares. Se cresceste com padrões restritivos, podes não reconhecer os efeitos negativos que eles têm sobre ti. Isso pode parecer normal para ti, mas, com um pouco de reflexão, verias o seu verdadeiro impacto. Nesses casos, precisas de estender a mão para as outras pessoas fora da tua família. Deixa-as ajudarem-te a sair desses padrões.
Anúncios

Depois de decidires superar esse relacionamento kármico, precisas de permanecer realmente forte. Aumenta a tua autoconfiança lentamente e diz a ti mesmo que ninguém mais tem o poder de tirar a tua felicidade. Aprende com os teus erros e segue em direção a um futuro melhor. Essas lições levaram-te longe!

Anúncios
Anúncios
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s